sábado, 29 de dezembro de 2012

Retrospectiva! O que você fez pela sua beleza em 2012?


Oi bonecas, como estão de festas de fim ano? Uns 4 quilos a mais né...é eu sei, difícil se controlar com tantas tentações!!! Mas vamos falar do que vocês fizeram antes de meter o pé na jaca neste Natal. Vocês cuidaram como da beleza de vocês neste ano que está terminando? É, todo ano a gente faz mil promessas pra nós mesmas e nem sempre cumprimos né! 

Bom, eu fiz algumas coisinhas das quais eu estava precisando fazia tempo! Eu vou contar o que fiz por mim e vocês podem me contar o que fizeram nos comentários ok?

Fevereiro - comecei a fazer mensalmente um banho de brilho no meu cabelo! Eu gosto muito do resultado, tinha mania de fazer uma vez na vida outra na morte e depois ficava me lamentando que meu cabelo estava apagado, pudera né! Aconselho, o gasto é baixíssimo e vale super a pena! Se você quiser umas dicas para o seu cabelo pode conferir AQUI!

Abril - Fiz um tratamento de pelo no rosto chamado Efeito Cinderela, que comprei pelo site de compras coletivas, e amei, na verdade eu acho que deveria fazer mais vezes, mas nem sempre o dimdim colabora né! Se quiser saber como foi timtim por timtim, clique AQUI!

Agosto - Fiz minha tão esperada Rinoplastia! Sem comentário, foi o que mais amei de tudo o que eu fiz este ano! Se você também deseja fazer e quiser ver como foi e o pós operatório, clique AQUI!

Outubro - Ah, esse mês também foi super especial para mim, comecei a minha dieta, porque era algo que estava me incomodando e estou muito feliz com os resultados que ainda estou buscando! Se você está querendo começar o ano fazendo uma dieta também, começando aos pouco, com resultados a longo prazo, de um pulinho AQUI! e vamos juntas nessa!

Enfim, foi isso! Parece pouco, mas para mim é uma enorme conquista, tenho 3 filhos e acabei descuidando de mim durante um bom tempo. Na verdade eu ainda tenho uma certa dificuldade com isso, quando faço alguma coisa para mim acabo me sentindo meio culpada de não estar abrindo mão disso e fazendo mais por eles. Mas em algum lugar que não me lembro onde, ouvi um psicólogo falando da importância dos pais de estarem sempre bem cuidados diante dos filhos, porque a sua auto estima, sua segurança, etc se refletem nos seu filhos. Se você quer ter filhos confiantes, seja confiante e para nós mulheres muito da confiança em nós mesmas está na aparência sim! Você se olha no espelho e se sente poderosa ou não e isso que define muito das suas atitudes neste dia! 

Bom, então ficamos assim, vamos nos comprometer mais com nós mesmas e lembrar que além de mães somos mulheres! 

Beijos poderosos bonecas!

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Retrospectiva - Dietas 2012 - Dieta dos Chás

Continuando a Retrospectiva do Yahoo de 2012

Reprodução na íntegra da Retrospectiva Yahoo da parte de dietas de 2012! Caso prefira ver diretamente do site de onde foi retirado, segue o link:'Site Original da Matéria". Quero deixar claro que meu objetivo não é nem nunca foi o de plagiar nem site/blog, apenas estou repassando informações coerentes aos assuntos que já estávamos tratando e que vem apenas para somar ao conteúdo já publicado!:
"

Dieta dos Chás

De acordo com estudo canadense que acompanhou milhares de mulheres chinesas por mais de uma década, as mulheres mais velhas que bebem regularmente chá verde podem ter menos riscos de desenvolver câncer de cólon, estômago e garganta do que as mulheres que não o fazem. (Foto: Thinkstock)

Chá verde ajuda a proteger mulheres contra o câncer...

Mulheres que bebem chá verde têm risco menor de câncer, diz estudo

24 Out (Reuters) - As mulheres mais velhas que bebem regularmente chá verde podem ter menos riscos de desenvolver câncer de cólon, estômago e garganta do que as mulheres que não o fazem, de acordo com um estudo canadense que acompanhou milhares de mulheres chinesas por mais de uma década.

Os pesquisadores, cujo relatório foi publicado no American Journal of Clinical Nutrition, constataram que das mais de 69.000 mulheres, aquelas que bebiam chá verde pelo menos três vezes por semana tinham 14 por cento menos probabilidade de desenvolver um câncer do sistema digestivo.

Estudos anteriores obtiveram conclusões conflitantes sobre o menor risco de câncer dos consumidores de chá verde.

"Neste grande estudo de grupo prospectivo, o consumo de chá foi associado a um risco reduzido de câncer colorretal e de estômago/esôfago em mulheres chinesas", escreveu o líder do estudo Wei Zheng, que lidera o setor de epidemiologia na Vanderbilt University School of Medicine, em Nashville, e seus colegas.

Ninguém pode dizer se o chá verde em si é a razão, uma vez que os amantes do chá verde muitas vezes são mais preocupados com a saúde em geral. Mas o estudo tentou levar isso em conta, disse Zheng.

Nenhuma das mulheres fumava ou bebia álcool regularmente, e os pesquisadores também coletaram informações sobre suas dietas, hábitos de exercício, peso e histórico médico.

Ainda assim, mesmo com todas essas coisas contabilizadas, os hábitos de consumo de chá das mulheres permaneceram ligados a seus riscos de câncer, observou Zheng -- embora este tipo de estudo não possa comprovar causa e efeito.

Poucos estudos clínicos avaliaram se o chá verde pode reduzir os riscos de câncer, e os resultados têm sido inconsistentes, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer.

Há "fortes indícios" de pesquisa de laboratório --em animais e em células humanas-- de que o chá verde tem potencial para combater o câncer, escreveu a equipe de Zheng.

Para o estudo, Zheng e seus colegas usaram dados de um estudo de saúde de longa duração de mais de 69.000 mulheres chinesas de meia-idade e mais velhas. Mais de 19.000 foram consideradas consumidoras regulares de chá verde, bebendo mais de três vezes por semana.

Ao longo de 11 anos, 1.255 mulheres desenvolveram câncer do sistema digestivo. Em geral, os riscos eram um pouco mais baixos quando uma mulher bebia chá verde com frequência e durante muito tempo.

Por exemplo, mulheres que disseram que bebiam regularmente chá verde por pelo menos 20 anos tinham 27 por cento menos probabilidade de desenvolver qualquer tipo de câncer do sistema digestivo do que as que não consumiam. E elas tinham 29 por cento menos probabilidade de desenvolver câncer colorretal.

O chá verde contém certas substâncias antioxidantes, particularmente um composto conhecido como EGCG, que podem evitar o dano das células do corpo, que poderia levar ao câncer e outras doenças.

Nada disso prova que as pessoas devem começar a beber chá verde para impedir o câncer.

As mulheres que bebiam uma grande quantidade de chá verde no estudo também eram mais jovens, comiam mais frutas, legumes e vegetais, exercitavam-se mais e tinham emprego de renda mais alta. Os pesquisadores fizeram ajustes para essas diferenças, mas, escreveram, é impossível considerar perfeitamente tudo.

(Reportagem de Amy Norton em Nova York)"
 
Beijo bonecas!

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Retrospectiva - Dietas 2012 - Dieta sem glúten

Continuando a Retrospectiva do Yahoo de 2012

Reprodução na íntegra da Retrospectiva Yahoo da parte de dietas de 2012! Caso prefira ver diretamente do site de onde foi retirado, segue o link:'Site Original da Matéria". Quero deixar claro que meu objetivo não é nem nunca foi o de plagiar nem site/blog, apenas estou repassando informações coerentes aos assuntos que já estávamos tratando e que vem apenas para somar ao conteúdo já publicado!:
"

Dieta sem glúten

Eliminar essa proteína da alimentação virou sinônimo de emagrecimento. O argumento é que ela diminui a produção de hormônios relacionados à saciedade, além de dificultar a digestão. Para os que não conhecem, o glúten está presente em alimentos que levam trigo, centeio, cevada, aveia ou malte. (Foto: Thinkstock)

Dieta sem glúten é adotada por quem quer emagrecer...


Dieta sem glúten: será que funciona mesmo?

Fundamental para celíacos, agora ela é adotada por quem deseja emagrecer

POR LAURA TAVARES - PUBLICADO EM 20/04/2012

Uma palavrinha antes usada quase que exclusivamente por portadores da chamada doença celíaca vem ganhando espaço no vocabulário popular: o glúten. Isso porque essa proteína deixou de ser evitada somente por quem é intolerante a essa proteína. Agora, eliminá-lo da alimentação virou sinônimo de emagrecimento. O argumento é que ele diminui a produção de hormônios relacionados à saciedade, além de dificultar a digestão.

Para os que não conhecem, o glúten está presente em alimentos que levam trigo, centeio, cevada, aveia ou malte e é a responsável pela viscosidade de massas compostas pela mistura de farinha e água, como explica a nutricionista Samantha Caesar de Andrade, pesquisadora do Departamento de Nutrição da FSP/USP. Mas será que cortá-lo da dieta realmente ajuda a perder peso? Esclareça suas dúvidas!

O glúten é fundamental na dieta?
Segundo o cientista de alimentos Jaime Amaya Farfan, do departamento de Alimentos e Nutrição da Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp, o glúten é totalmente dispensável na dieta. "Ele não oferece qualquer benefício especial a nossa alimentação ou saúde, então pode ser cortado sem qualquer problema", explica. Só fique atento para que a eliminação dos alimentos com glúten, presente, em geral, nas fontes de carboidratos, não acabe deixando sua alimentação desequilibrada.

Posso cortar o glúten da minha alimentação mesmo sem ter doença celíaca?
"Não há razão para eliminar o glúten da dieta se você não apresenta intolerância a esta proteína", aponta a nutricionista Samantha. Para isso, seria preciso cortar pães, massas, bolos e bolachas da alimentação, opções mais do que tradicionais no dia a dia do brasileiro. Além disso, esses alimentos são algumas das principais fontes de carboidrato para o nosso organismo.

A professora de gastropediatria da Unifesp, Vera Lucia Sdepanian, coordenadora do primeiro laboratório brasileiro a identificar a presença do glúten nos alimentos, reforça a posição da nutricionista. "Cerca de 40% dos celíacos que deveriam abandonar completamente o glúten não conseguem, então, a chance de alguém que não tem necessidade de cortar a proteína da dieta obter sucesso é mínima", afirma. Segundo ela, a maior parte das pessoas costuma seguir o plano alimentar por algumas semanas e depois desiste. E mais: segundo ela, todo esse esforço é em vão, já que o glúten não é vilão de quem deseja emagrecer.

O glúten engorda?
Não há qualquer evidência de que o glúten tenha alguma relação com doenças como a obesidade, explica a nutróloga Tamara Mazaracki, membro da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN). "Mas como ele está presente em alimentos fonte de carboidratos - que costumam ser altamente calóricos - sua eliminação geralmente reduz o consumo desse nutriente, o que pode levar à perda de peso", complementa.

Vale lembrar ainda que alimentos sem glúten podem ser tão calóricos quanto os originais, então, a perda de peso está relacionada principalmente ao hábito de comer com moderação e não de restringir nutrientes. Prova disso, é um estudo de 2006 publicado no American Journal of Gastroenterology. Nele, 188 pessoas com doença celíaca foram acompanhadas, sendo que metade delas estava acima do peso ou tinha obesidade. Todas foram submetidas a uma dieta sem glúten por dois anos e, após esse período, foi constatado que 81% delas apresentou ganho de peso.

Então posso cortar os carboidratos da dieta?
Inúmeras dietas sugerem a eliminação de determinado nutriente com o objetivo de cortar calorias e, consequentemente, emagrecer. "Esse emagrecimento não é considerado saudável, podendo ocasionar problemas de saúde ou até mesmo levar ao conhecido efeito sanfona", aponta a nutricionista Samantha. Para emagrecer, nada melhor do que a reeducação alimentar aliada a prática regular de exercícios.

O glúten tem alguma influência sobre a produção de hormônios?
De acordo com o cientista de alimentos Jaime, não há qualquer evidência de que o glúten, especificamente, aumente ou diminua a produção de hormônios ou neurotransmissores pelo organismo. "Quando comemos um carboidrato, com ou sem glúten, nosso organismo libera enzimas para quebrar o alimento e esse processo também promove a liberação de substâncias", esclarece. Para o especialista, o glúten está inserido nesse processo, mas não exerce nenhum papel de destaque.

O glúten atrapalha a digestão?
"O glúten é uma proteína como outra qualquer e a ideia de que ele vira uma cola no intestino ou de que demora mais para ser digerido não passa de mito", afirma a gastropediatra Vera. Segundo ela, a digestão das proteínas demora mais conforme o alimento ingerido. Um pedaço de carne, por exemplo, leva mais tempo para ser digerido do que um prato de massa, explica.

O glúten aumenta o risco de desenvolver síndrome metabólica?
"O que se sabe é que o consumo excessivo de alimentos de trigo aumenta o risco de desenvolver a chamada síndrome metabólica, mas não há nenhuma ligação específica com o glúten", explica o cientista de alimentos Jaime. A síndrome metabólica é caracterizada por alterações no metabolismo que contribuem para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares e diabetes.

Beijos sem glútem bonecas!

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Retrospectiva - Dietas 2012 - Dieta do Óleo de Coco

Continuando a Retrospectiva do Yahoo de 2012

Reprodução na íntegra da Retrospectiva Yahoo da parte de dietas de 2012! Caso prefira ver diretamente do site de onde foi retirado, segue o link:'Site Original da Matéria". Quero deixar claro que meu objetivo não é nem nunca foi o de plagiar nem site/blog, apenas estou repassando informações coerentes aos assuntos que já estávamos tratando e que vem apenas para somar ao conteúdo já publicado!:
"

Dieta do Óleo de Coco

Quatro colheres de sopa por dia. Essa é a quantia média recomendada para o consumo do óleo de coco, uma gordura saturada, mas de origem vegetal, que está fazendo a cabeça não só de quem está de dieta, mas até daqueles que precisam controlar problemas de saúde. (Foto: iStock)

Sete motivos para consumir óleo de coco...


Sete bons motivos para consumir óleo de coco
Ele reduz o colesterol, controla o diabetes e ajuda a emagrecer

POR LAURA TAVARES - PUBLICADO EM 16/03/2012

Quatro colheres de sopa por dia. Essa é a quantia média recomendada para o consumo do óleo de coco, uma gordura saturada, mas de origem vegetal, que está fazendo a cabeça não só de quem está de dieta, mas até daqueles que precisam controlar problemas de saúde. "O produto 100% natural apresenta propriedades que favorecem a perda de peso, reduzem o colesterol ruim e até controlam os níveis de açúcar no sangue", aponta a nutricionista Cátia Medeiros, da clínica Espaço Nutrição, em São Paulo. 

Vendido em lojas de produtos naturais e algumas farmácias, o óleo de coco apresenta duas versões. Uma delas em cápsulas, que devem ser ingeridas no horário do almoço ou do jantar. Já a versão em óleo pode ser adicionada no preparo dos alimentos, em pastas e patês para acompanhar torradinhas ou mesmo em vitaminas. Para entender como ele age no organismo e conhecer outras boas razões para consumi-lo, o Minha Vida conversou com nutricionistas e elaborou a lista que você confere a seguir.

Controla a compulsão por carboidratos
Além de todos esses benefícios, o óleo de coco certamente deve ser um alimento que não pode faltar na dieta de quem tem diabetes ou de quem não resiste a uma guloseima. "Assim como os alimentos ricos em fibras, ele ajuda a manter níveis estáveis de glicose no sangue e não estimula a liberação de insulina, o que diminui a compulsão por carboidratos", explica a especialista Cátia Medeiros. Ao contrário de outros óleos poli-insaturados, que dificultam a entrada de insulina e outros nutrientes dentro das células, o óleo de coco favorece essa entrada e, por isso, a taxa de açúcar no sangue fica normalizada.

Promove a saciedade
Por ser uma gordura, o óleo de coco tem uma digestão diferenciada. "Ele permanece mais tempo no estômago do que um carboidrato, por exemplo, o que aumenta a sensação de saciedade", explica a nutricionista Cátia Medeiros. Com o apetite reduzido fica mais fácil segurar a vontade de petiscar o dia todo, hábito que pode sabotar a dieta e, consequentemente, o desejo de emagrecer.

Acelera o metabolismo
De acordo com a nutricionista Maria Fernanda Cortez, da clínica Nutri & Consult, em São Paulo, se consumido diariamente, o óleo de coco aumenta o gasto energético do organismo. "Ele estimula o funcionamento da glândula tireoide, que está diretamente ligada ao nosso metabolismo, o que aumenta a queima de calorias", explica. Assim, não adianta apostar em dietas radicais se essa glândula e, consequentemente, seu metabolismo não está funcionando adequadamente. O ponteiro da balança simplesmente não sairá do lugar.

Melhora a prisão de ventre
Por ter rápida absorção e solubilidade, o óleo de coco também é amigo do intestino. "Seus componentes agem normalizando o trânsito intestinal", diz Cátia Medeiros. As ações benéficas para o intestino também valem no caso de o intestino solto, pois ele ajuda a eliminar bactérias perigosas e favorece o crescimento da flora intestinal saudável.

Reduz o colesterol
O bom funcionamento da tireoide, favorecido pelo consumo de óleo de coco, também garante a redução do colesterol LDL (colesterol ruim) e a elevação do colesterol HDL (colesterol bom). "Isso ocorre porque essa glândula consegue metabolizar esse componente na formação de hormônios essenciais", explica a nutricionista Maria Fernanda. Com a normalização da taxa de colesterol sanguíneo há diminuição do risco de doenças cardiovasculares.

Fortalece o sistema imunológico
Outro benefício do óleo de coco é o fortalecimento do sistema imunológico. "Ele age no combate e na prevenção contra o ataque de bactérias e fungos que ameaçam nossa saúde e ainda melhora a absorção de nutrientes, reforçando as defesas do organismo", explica Maria Fernanda. Isso ocorre devido ao ácido láurico, também presente no leite materno e que tem o poder de combater inúmeras infecções.

Combate o envelhecimento precoce
"O óleo de coco promove a diminuição de radicais livres presentes no organismo, responsáveis pelo envelhecimento celular", aponta a Maria Fernanda. Segundo ela, isso acontece graças a ação de componentes da vitamina E, presentes no óleo. Até certo nível, os radicais livres são benéficos para o corpo, mas o acúmulo pode causar não só o envelhecimento precoce, como também o desenvolvimento de um câncer em decorrência da oxidação de células saudáveis."

Beijos saudáveis bonecas!!

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Feliz Natal Hohoho


Feito de momentos


Um momento doce e cheio de significado para as nossas vidas. É tempo de repensar valores, de ponderar sobre a vida e tudo que a cerca. É momento de deixar nascer essa criança pura, inocente e cheia de esperança que mora dentro de nossos corações. É sempre tempo de contemplar aquele menino pobre, que nasceu numa manjedoura, para nos fazer entender que o ser humano vale por aquilo que é e faz, e nunca por aquilo que possui. Noite cristã, onde a alegria invade nossos corações trazendo a paz e a harmonia. O Natal é um dia festivo e espero que o seu olhar possa estar voltado para uma festa maior, a festa do nascimento de Cristo dentro de seu coração. Que neste Natal você e sua família sintam mais forte ainda o significado da palavra amor, que traga raios de luz que iluminem o seu caminho e transformem o seu coração a cada dia, fazendo que você viva sempre com muita felicidade. Também é tempo de refazer planos, reconsiderar os equívocos e retomar o caminho para uma vida cada vez mais feliz. Teremos outras 365 novas oportunidades de dizer à vida, que de fato queremos ser plenamente felizes. Que queremos viver cada dia, cada hora e cada minuto em sua plenitude, como se fosse o último. Que queremos renovação e buscaremos os grandes milagres da vida a cada instante. Todo Ano Novo é hora de renascer, de florescer, de viver de novo. Aproveite este ano que está chegando para realizar todos os seus sonhos! 

Feliz Natal e um Próspero Ano Novo para todas vocês bonecas!!



Retrospectiva - Dietas 2012 - Dieta Mediterrânea

Continuando a Retrospectiva do Yahoo de 2012

Reprodução na íntegra da Retrospectiva Yahoo da parte de dietas de 2012! Caso prefira ver diretamente do site de onde foi retirado, segue o link:'Site Original da Matéria". Quero deixar claro que meu objetivo não é nem nunca foi o de plagiar nem site/blog, apenas estou repassando informações coerentes aos assuntos que já estávamos tratando e que vem apenas para somar ao conteúdo já publicado!:
"

Dieta Mediterrânea

O cardápio dessa dieta promete prevenir doenças cardiovasculares usando a substituição de alimentos. A escolha dos alimentos obedece à predominância das cores da bandeira nacional - verde, amarelo e azul. O vinho e o azeite de oliva são as estrelas dessa dieta, mas podem ser adaptados ao Brasil com suco de uva e tapioca. (Foto: Thinkstock)

Proteja o coração com a dieta mediterrânea..

Proteja o coração com a dieta mediterrânea 'à brasileira'
Substituição de ingredientes pode ser mais barata e saudável.

O bem estar do coração dos brasileiros pode melhorar graças a uma inspiração que vem do Mediterrâneo. Apesar da distância geográfica, uma inciativa que une o Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital do Coração (IEP/HCor) e oMinistério da Saúde usa como base a combinação nutricional dos habitantes da região que fica encravada entre a Europa Meridional, a Ásia Ocidental e a África Setentrional.

O Programa Alimentar Brasileiro Cardioprotetor substitui alguns itens originais da dieta mediterrânea por ingredientes genuinamente nacionais, que são mais baratos e estão ao alcance de um maior número de pessoas. Sopa de feijão, milho, suco de uva e tapioca, por exemplo, ocupam o lugar de atum, vinho e azeite extravirgem.

O cardápio promete prevenir doenças cardiovasculares, tanto em quem já sofreu acidentes cardíacos quanto em pessoas com maior risco de entrarem no grupo, devido à hipertensão ou colesterol alto. Uma das principais características envolve o aspecto lúdico: a escolha dos alimentos obedece à predominância das cores da bandeira nacional - verde, amarelo e azul.

Os pratos devem conter uma quantidade mais robusta de alimentos verdes (ricos em vitaminas, minerais e fibras), ter menor presença de alimentos amarelos (com níveis maiores de gordura saturada) e possuir ainda menos alimentos azuis (contêm mais gordura, sal e açúcar).

"A alimentação equilibrada é importante para a redução dos fatores de risco e, principalmente, das chances de desenvolvimento de diversas doenças. Entretanto, quando se fala em alimentação saudável ou equilibrada, a primeira ideia é a de uma refeição extremamente restritiva ou, muitas vezes, inacessível à população brasileira", explica a superintendente de Qualidade e Responsabilidade Social do HCor, Bernardete Weber.

Embora haja fatores de risco não modificáveis - como idade, sexo e predisposição genética -, mudanças nos aspectos comportamentais - com especial destaque a alimentação - podem evitar o aparecimento de doenças crônicas, como as cardiovasculares.

Bernadete acredita que as mudanças na escolha alimentar da população brasileira nos últimos 20 anos apontam para o crescimento da ingestão de alimentos industrializados, que têm elevada proporção de gordura saturada e de açúcar, além de possuírem baixo teor de fibras.

O vinho e o azeite de oliva são as estrelas da dieta mediterrânea original. O cardápio é completado com a ampla ingestão de produtos do reino vegetal e de frutas vermelhas, além da redução do uso de gordura animal.

"Os principais benefícios dessa dieta são a redução da incidência de doenças cardiovasculares, aterosclerose e hipertensão", explica o médico nutrólogo e responsável pelo Serviço de Terapia Nutricional do HCor, Carlos Daniel Magnoni.

A dieta mediterrânea "à brasileira" promete os mesmos ganhos. Os principais elementos do cardápio adaptado são: óleo de canola; cereais integrais; grãos integrais; consumo de sucos, leite e derivados; fracionamento da dieta em cinco refeições por dia; restrição ao consumo de carboidratos no período da noite; aumento da atividade física.

A dieta mediterrânea é conhecida como uma das mais saudáveis para o coração. Contudo, alguns críticos citam que os estudos sobre as benesses do cardápio foram feitos na década de 1950, com os habitantes da ilha grega de Creta. Naquele tempo, a população se mantinha sobretudo à custa de trabalho braçal no campo e consumia bem menos calorias do que atualmente. Além disso, a dieta não contemplava misturas com alimentos industrializados ou importados de outras regiões do globo.

"De fato, não adianta seguir uma dieta mediterrânea com um estilo de vida de São Paulo, por exemplo, que engloba estresse e sedentarismo. A alimentação é apenas um dos fatores que devem ser modificados", avalia Magnoni.

O estudo brasileiro

O programa faz parte de um estudo mais amplo, que começou em 2011 e deve ser concluído até o final deste ano. A primeira fase da pesquisa já foi concluída e avaliou o impacto da dieta em 120 pessoas cardiopatas do Rio de Janeiro e de seis cidades do Estado de São Paulo (incluindo a capital), durante oito semanas.

O grupo foi dividido em dois: um seguiu as orientações tradicionais após um acidente cardiovascular, como diminuir a presença de gorduras saturadas na alimentação; o outro, por sua vez, adotou o cardápio do programa.

Os resultados são animadores: foi constatada perda de peso, diminuição da medida de circunferência da cintura e dos níveis de colesterol, glicemia e pressão arterial.

A segunda fase deve envolver cerca de 2.000 pessoas em todo o país. O diferencial dessa etapa é que será possível elaborar diferentes dietas de acordo com as peculiaridades regionais do Brasil. Além de cardiopatas, pessoas com pré-disposição a ter problema cardíaco também farão parte dos estudos.

Sugestão de cardápio

Pão integral pode ser consumido no café da manhã. (Foto: iStock)Café da manhã - Leite e derivados, principalmente iogurte, bem como frutas secas e pães integrais.
Frutas e queijos para o lanchinho. (Foto: iStock)Lanche da manhã - Queijo e fruta.
Grelhado no almoço. (Foto: iStock)Almoço e Jantar - Arroz integral e algum grão, como feijão, soja, ervilha ou lentilha. Incluir salada, carne magra grelhada e alguma verdura. A sobremesa deve ser fruta ou compota.
Chazinho é sempre bem vindo. (Foto: iStock)Lanche da tarde - Chá, frutas ou um lanche com queijo e vegetais.

Feliz Natal 2012!

Beijos mediterrâneos bonecas!

domingo, 23 de dezembro de 2012

Retrospectiva - Dietas 2012 - Dieta Seca Barriga

Continuando a Retrospectiva do Yahoo de 2012

Reprodução na íntegra da Retrospectiva Yahoo da parte de dietas de 2012! Caso prefira ver diretamente do site de onde foi retirado, segue o link:'Site Original da Matéria". Quero deixar claro que meu objetivo não é nem nunca foi o de plagiar nem site/blog, apenas estou repassando informações coerentes aos assuntos que já estávamos tratando e que vem apenas para somar ao conteúdo já publicado!:
"

O livro 'Dieta Seca-Barriga' foi escrito pela médica das celebridades, Heloísa Rocha, em parceria com a nutricionista Marcella Amar, e traz um roteiro para conquistar o abdômen dos sonhos. Ele traz 10 mandamentos que ajudam a eliminar as gordurinhas indesejadas, como não beber líquidos durante as refeições ou jantarr depois das 21 horas. (Foto: Thinkstock)


Livro 'Dieta Seca-Barriga' dá dicas imbatíveis para conquistar a barriga chapada das famosas. O livro pode ser encontrado em qualquer livraria a R$24,90.

Não jantarás depois das 21 horas - À noite a atividade física é menor. Aquele lanchinho rápido ou jantar vai virar gordura porque o metabolismo e a queima de calorias desaceleram no repouso. Cuidado! É no abdômen que parte das células gordurosas se concentram.

Não beberás nada durante as refeições. Nem água - Os líquidos dificultam a ação do suco gástrico, responsável por degradar os alimentos no estômago, e ainda dilatam o órgão. O ideal é não beber nada uma hora antes e uma hora depois das refeições para prevenir gases e o "efeito estufa". Mas não deixe de beber água durante o dia: o recomendável são oito copos diários. O corpo desidratado corre mais risco de sofrer com a prisão de ventre.

Não abusarás do açúcar - O açúcar causa fermentação intestinal, serve de combustível para as bactérias que se agrupam no organismo. É aí que são formados os gases, que causam desconforto e fazem a barriga crescer. Comer de vez em quanto, e em pequenas quantidades, não vai te fazer mal.

Mastigarás bem os alimentos - Fica muito mais fácil para o organismo digerir os alimentos quando eles chegam bem fracionados ao estômago. Quando é preciso triturar e misturar toda a comida mal mastigada, o corpo aumento o fluxo de sangue, o que faz distender o abdômen. Conte até 20 entre uma garfada e outra.

Adotarás uma dieta rica em frutas e legumes e pobre em gorduras nocivas, evitando alimentos que retenham líquidos - Vegetais são ricos em fibras, e fibras ficam mais tempo no estômago, acalmando o apetite. Além disso, absorvem gorduras e açúcares como uma esponja, melhoram o funcionamento do intestino e ajudam a eliminar as toxinas. Resultado, leitoras: a barriga encolhe! Fique longe das gorduras saturadas, presentes nas carnes vermelhas gordas, manteiga, laticínios integrais e queijos amarelos. Troque-as pelas monoinsaturadas (presentes no azeite e abacate) e poli-insaturadas (abundantes nos peixes de águas frias e profundas, como salmão, sardinha, bacalhau e atum). Ah! Esqueça os embutidos (linguiça, salsicha, mortadela, presunto...), enlatados, salgadinhos, comidas congeladas e temperos prontos.

Evitarás alimentos preparados com leite, grão do feijão e lentilha - Muitas mulheres, mesmo que não sejam intolerantes à lactose (açúcar do leite), provavelmente desenvolveram algum tipo de sensibilidade a ela. Ela pode causar desconforto abdominal e aumento de gases. Feijão e lentilha também apresentam lactose, além de possuir carboidratos não absorvíveis.
Evitarás alimentos preparados com leite, grão do feijão e lentilha - Muitas mulheres, mesmo que não sejam intolerantes à lactose (açúcar do leite), provavelmente desenvolveram algum tipo de sensibilidade a ela. Ela pode causar desconforto abdominal e aumento de gases. Feijão e lentilha também apresentam lactose, além de possuir carboidratos não absorvíveis.

Ficarás longe de bebidas gasosas e alcoólicas - Água gaseificada e refrigerantes light estão nessa lista, sim. O gás distende o estômago. A cerveja reúne dois inimigos da barriga sequinha: gás e álcool. O vinho é mais inofensivo e faz bem ao coração quando você toma uma taça. Lembre-se: cada grama de álcool fornece 7 calorias; a mesma quantidade de gordura soma 9. Fica a dica!

Evitarás café depois das refeições - O cafezinho nosso de cada dia possui cafeína, fitato e tanino. Essas duas últimas substâncias são chamadas de antinutricionais porque dificultam a absorção de alguns nutrientes essenciais ao organismo. É melhor diminuir a dose para conquistar a barriguinha dos sonhos.

Consumirás, de maneira moderada, alimentos como castanha-do-pará, amêndoa e semente de girassol - Esses petiscos, apesar de serem ricos em selênio (mineral antioxidante), são bastante calóricos. Se forem acompanhados de sal causam retenção de líquido, o que prejudica a barriga sarada.

Jamais tomarás antibiótico sem necessidade - O uso indiscriminado dessa medicação torna o remédio ineficaz e cria superbactérias, difícil de combatê-las. É um perigo para a saúde! Além de tudo isso, tomar antibiótico por conta própria pode contribuir para destruir a flora bacteriana e proliferar os microorganismos nocivos, formando gases e causando prisão de ventre. Não arrisque!"

Feliz Natal 2012!

Beijo bonecas

sábado, 22 de dezembro de 2012

Resultado do Sorteio Natal de lamber os dedos!!!

Oieeeeeeeeee, hoje volto com o resultado do Sorteio: Natal de lamber os dedos, com a Cacau Show!!! Ebaaaaaaaaaa!


Parabéns Luiza! Espero o seu contato pelo bonecasdepanobygisele@yahoo.com.br até dia 22 as 19:00 com endereço para envio do prêmio!!! Bjos!!!


Retrospectiva - Dietas 2012 - Dieta dos 17 dias

Continuando a Retrospectiva do Yahoo de 2012

Reprodução na íntegra da Retrospectiva Yahoo da parte de dietas de 2012! Caso prefira ver diretamente do site de onde foi retirado, segue o link:'Site Original da Matéria". Quero deixar claro que meu objetivo não é nem nunca foi o de plagiar nem site/blog, apenas estou repassando informações coerentes aos assuntos que já estávamos tratando e que vem apenas para somar ao conteúdo já publicado!:
"
Já imaginou perder de 4kg a 17kg em apenas uma semana? A Dieta dos 17 dias oferece diferentes cardápios por 17 dias, com quatro ciclos, com foco em uma reeducação alimentar que promete o emagrecimento e a manutenção do novo peso. Ela ainda estimula o consumo de proteínas em quantidades ilimitadas. (Fotos: Marcio Benchimol e Helder Reis)

Cardápios básicos da dieta dos 17 dias...

O nome dele é Michael Rafael Moreno, mas para aquelas que acompanham as últimas dietas da moda e todas as novidades da saúde ligada à beleza, ele pode ser reconhecido apenas como Dr. Mike. Pois é, o Dr. Mike está dentro da lista dos médicos que já fizeram a alegria da mulherada ao criar uma dieta que ajuda a perder peso rapidamente e de maneira duradoura. O livro “A dieta dos 17 dias” é a nova sensação entre aquelas que lutam contra os quilinhos a mais. Clique aqui para ler um trecho do livro.

Não se trata apenas de fazer mais exercício e comer menos: o truque usado pelo médico para criar a eficaz dieta é induzir o organismo a entrar em um modus operandi de queimar gordura a partir da aliança entre alimentação saudável e exercícios leves, o que melhora a saúde digestiva e metabólica. 

Seguindo com rigor os passos indicados no plano, é possível perder de 4 kg a 7 kg nos primeiros 17 dias. Pesquisas mostram que os planos de emagrecimento rápido são eficazes para ajudar as pessoas a se manterem magras. "Perdi nove quilos em três meses com ajuda da dieta dos 17 dias. O livro me ajudou porque ele dá várias opções de cardápios e eu vi resultados como nunca tive antes, o que me deixou motivada", conta a advogada Dinah Guimarães, que emagreceu para entrar no vestido de noiva e ficar linda no casamento.

O padrinho de Dinah, o também advogado Marcelo Carlos, emagreceu 14 quilos em dois meses. O motivo foi o mesmo: o casamento dela com o primo dele, Breno. O livro foi indicação da noiva. "O chá verde é primordial. Complementando, eu reduzi o sal e caprichava no vinagre balsâmico e azeite. Agora, o segredo mesmo é beber água, bastante água. Um organismo hidratado perde peso mais fácil", comenta Marcelo.

Outro diferencial da dieta: o consumo de proteínas é estimulado em quantidades ilimitadas (dependendo do ciclo). Isso não significa comer 27 ovos fritos ou 18 tiras de bacon, mas sim usar alimentos pouco calóricos, como frango, peixe ou carnes magras para substituir alimentos ricos em gordura.
As proteínas ainda são um poderoso mecanismo de queima de gordura por seis razões:

  1. Digerir proteínas consome mais energia (calorias) do que digerir carboidratos ou gorduras.
  2. Incluir bastante proteína em sua alimentação estimular um dos mecanismos de queima de gordura do seu corpo: a produção do hormônio glucagon. Esta substância sinaliza ao organismo que é hora de levar a gordura alimentar para a corrente sanguínea e utilizá-la como energia, em vez de apenas armazená-la.
  3. A ingestão de boas quantidades de proteína ajuda a preservar a massa muscular magra que poderia ser sacrificada em uma dieta de emagrecimento rápido. Naturalmente, quanto mais massa muscular magra você possui, mais calorias queima, mesmo em repouso.
  4. Comer proteína ajuda a manter estável o nível de açúcar no sangue, de modo que você não sente as oscilações ou a queda de energia.
  5. Uma das principais funções da tireoide é regular o metabolismo, e ter proteína suficente na alimentação reforça a ação dessa glândula.
  6. Incluir proteínas nas refeições ajuda a reduzir o apetite, o que o impede de exagerar.
A Dieta dos 17 Dias é organizada em quatro ciclos que se reforçam mutuamente para ajudar o organismo a atingir o peso ideal e nele se estabilizar. Clique na próxima página para conferir os cardápios básicos de cada ciclo.
Ficha técnica:Título: A Dieta dos 17 Dias
Autor: Mike Moreno
Tradução: Ana Beatriz Rodrigues
Editora: Sextante
Especificações: Brochura | 240 páginas
Clique aqui para comprar o livro; adquira também a versão digital dele.
Palavra da redação: A editora do Yahoo! Mulher, Bárbara Nascimento, leu o livro, testou a dieta e perdeu 3,5 quilos na primeira fase. Ela adorou o resultado e vai continuar a saga!

Primeiro ciclo (perde de 4 a 5 kg): Acelerar – Promover o emagrecimento rápido melhorando a saúde digestiva. Ajuda a eliminar o açúcar do sangue para estimular a queima de calorias e evitar o armazenamento de gordura.

Cardápio do dia típico do Ciclo Acelerar:

Café da manhã
  • 2 ovos ou 2 claras, preparados sem óleo; ou 1 porção de alimento probiótioco (ex: iogurte)
  • 1 porção de fruta
  • 1 xícara de chá verde

Almoço
  • Quantidades generosas de proteína como peixe, aves ou ovos, mais quantidades ilimitadas de legumes e verduras purificadores; ou 1 porção de probiótico mais quantidades ilimitadas de legumes e verduras purificadores
  • 1 xícara chá verde
Jantar

  • Quantidades generosas de proteína soba a forma de peixes ou aves
  • Quantidades ilimitadas de legumes e verduras purificadores
  • 1 xícara de chá verde
Lanches
  • Porção de fruta
  • Porção de probiótico

Extra
  • 1 porção ou 1 a 2 colheres de sopa de gordura benéfica para usar nas saladas ou para cozinhar

Segundo ciclo: Ativar – Reprogramar o metabolismo por meio de uma estratégia que envolve aumentar e em seguida reduzir o consumo calórico para estimular a queima de gordura e ajudar a evitar a estagnação no processo de emagrecimento.

Cardápio do dia típico do Ciclo Ativar:

Café da manhã
  • ½ xícara (de chá) de grãos de cereais integrais cozidos ou 2 ovos ou 4 claras de ovos, preparados sem óleo; ou 1 porção de probiótico
  • 1 porção de fruta
  • 1 xícara de chá verde
Almoço
  • Porções generosas de proteína como frutos do mar, carne vermelha ou frango ou ovos; ou de legumes e verduras mais 1 porção de probiótico
  • 1 porção de amido natural, como arroz integral ou cuscuz de semolina
  • Quantidades ilimitadas de legumes e verduras purificadores
  • 1 xícara de chá verde
Jantar
  • Porções generosas de proteína como peixe, frutos do mar, carne vermelha ou frango ou peru.
  • Quantidades ilimitadas de legumes e verduras purificadores
  • 1 xícara de chá verde
Lanches
  • Porção de fruta
  • Porção de probiótico
Extra
1 porção de gordura benéfica (1 a 2 colheres de sopa de azeite de oliva ou óleo de linhaça para temperar saladas ou para cozinhar)

Lembre-se: alterne um dia no Ciclo Ativar com um dia no Ciclo Acelerar durante 17 dias.

Terceiro ciclo: Conquistar – Desenvolver bons hábitos alimentares por meio da reintrodução de determinados alimentos e aproximá-lo do seu peso ideal.

Cardápio do dia típico do Ciclo Conquistar:


Café da manhã
  • ½ xícara (de chá) de grãos de cereais cozidos; ou 2 ovos ou 4 claras de ovos, preparados sem óleo; ou 1 porção de probiótico
  • 1 porção de fruta
Almoço
  • Porções controladas de proteína como peixe, frutos do mar, carne vermelha, frango ou ovos; ou de legumes e verduras mais 1 porção de probiótico, laticínio ou substituto de laticínio
  • 1 porção de amido natural
  • Quantidades ilimitadas de legumes e verduras
Jantar
  • Porções controladas de proteína como peixe, frutos do mar, carne vermelha, frango ou peru
  • Quantidades ilimitadas de legumes e verduras
Lanches
  • Porção de fruta; ou
  • Porção de probiótico, laticínio ou substituto de laticínio; ou
  • Alimento de lista de lanches opcionais
Extra
  • 1 porção (1 a 2 colheres de sopa de gordura benéfica para usar em saladas, legumes e verduras ou para cozinhar)
    Quarto ciclo: Manter – Mantê-lo no peso desejado durante um programa de nutrição que o deixa consumir seus alimentos favoritos nos fins de semana, sem abrir mão de uma alimentação 
saudável nos outros dias.



  • Do café da manhã de segunda-feira até o almoço de sexta-feira siga o cardápio de um de seus ciclos favoritos: Acelerar (Primeiro Ciclo), Ativar (Segundo Ciclo) ou Conquistar (Terceiro Ciclo).
  • Do jantar de sexta-feira até o jantar de domingo: desfrute de seus alimentos e refeições favortios com moderação.

  • Faça de uma até três refeições favoritas durante o fim de semana. Não exagere, coma lentamente e saboreando os alimentos.
  • Se desejar, tome bebidas alcoólicas com moderação durante o fim de semana (1 ou 2 doses por dia): 45 ml de destilados, 150 ml de vinho ou 360 ml de cerveja.
  • Você pode incluir sopas nos cardápios diários, desde que tenham como base um caldo sem gordura. Evitem sopas que levem leite ou creme de leite. Tomar sopa antes de uma refeição o ajudará a controlar o apetite e a se sentir saciado.
  • Você pode substituir uma das porções de frutas por suco de fruta (sem açúcar), mas não mais de ¾ de xícara (de chá) por porção.
  • Sinta-se à vontade para tomar uma xícara (de chá) de suco de legumes ou verduras no lanche.
  • Continue a usar condimentos com moderação. Escolha temperos com baixo teor calórico, sem gordura, como molhos light, especiarias, ervas, sumo de limão e vinagre.
  • Pratique exercícios durante a semana e também nos fins de semana.
  • Toda segunda-feira, renove o compromisso consigo mesmo e com sua nova silhueta. Faça isso e continue a controlar sua alimentação semana após semana. Essa estratégia é garantia de sucesso."
Feliz Natal 2012!

Beijos bem magrinho bonecas!

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Retrospectiva - Dietas 2012 - Dieta da Proteína


Continuando a Retrospectiva do Yahoo de 2012


Reprodução na íntegra da Retrospectiva Yahoo da parte de dietas de 2012! Caso prefira ver diretamente do site de onde foi retirado, segue o link:'Site Original da Matéria". Quero deixar claro que meu objetivo não é nem nunca foi o de plagiar nem site/blog, apenas estou repassando informações coerentes aos assuntos que já estávamos tratando e que vem apenas para somar ao conteúdo já publicado!:


Numa dieta saudável e bem equilibrada, além do consumo de muitos vegetais e alimentos ricos em amido, alimentos proteicos, como carnes, aves e peixes, devem ser consumidos com moderação. (Foto: iStock)


Manter o Peso

Grupo alimentar deve ocupar 15% das calorias ingeridas por dia

Contar calorias pode não ser o suficiente para gerenciar o seu apetite e peso, sugere pesquisa realizada por pesquisadores da University of Sydney, Austrália. Para eles, prestar atenção no percentual de calorias vindas de proteínas é uma importante chave no controle dos ponteiros da balança. 

No estudo, homens e mulheres que ingerem apenas 10% de proteínas por dia, em relação à quantidade total de alimentos consumidos, comeram 12% a mais de calorias do que aqueles que fizeram com que sua dieta tivesse 15% de proteínas. Para chegar aos resultados, os pesquisadores pediram a pessoas com idade média de 24 anos que seguissem uma dieta com teores diferentes de proteínas: 10%, 15% e 25%, sendo que a segunda opção é mais frequentemente indicada. 

Os homens e mulheres seguiram cada uma das três dietas durante quatro dias no centro de pesquisa. Eles tinham acesso irrestrito a outros alimentos, além das refeições fixas que foram dadas, sendo que o que eles comiam era registrado. 

Percebeu-se que, quando a quantidade de proteínas ingeridas caía para 10%, tanto homens quanto mulheres tendiam a comer mais carboidratos e comidas gordurosas, aumentando o risco para aumento de peso. Já as dietas de 15% e 25% não tiveram grandes diferenças entre si, no que se refere às calorias ingeridas. 

Para os pesquisadores, isso acontece porque consumir proteínas traz saciedade por mais tempo. Em uma dieta de 2000 calorias, 15% representam 300 calorias - aproximadamente, 75g de proteínas, já que cada grama tem quatro calorias. Os resultados foram publicados no periódico PloS One. 

Outros benefícios da proteína 

A nutricionista do Dieta e Saúde, Roberta Stella, ressalta a importância de se ter um cardápio com proteínas: "As proteínas obtidas através dos alimentos desempenham diversas funções no organismo. Elas estão envolvidas na reparação do tecido corporal, na formação de enzimas, hormônios, anticorpos, no transporte de triglicérides, colesterol e vitaminas pelo corpo. Isso tudo sem falar da energia que elas oferecem para mantermos o esqueleto em pé. A cada grama de proteína, você pode contar com a energia de 4 calorias a mesma quantidade fornecida pelos carboidratos." 

Isso quer dizer que se você cortar esse nutriente do cardápio, você vai causar um rebuliço no seu organismo. As proteínas participam de processos metabólicos importantes. Sem elas, as funções dos aminoácidos podem ficar comprometidas. 

Por isso que diversos estudos se propõem a investigar os benefícios das proteínas. Um dos mais recentes estudos envolvendo o nutriente foi feito pelo Institute for Aging Research, nos EUA, onde os pesquisadores descobriram que idosos que consomem uma dieta rica em proteína são menos propensos a sofrer fraturas de quadril do que idosos cuja ingestão diária deste nutriente é menor. 

Feliz Natal 2012!

Beijo boneca!

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Retrospectiva - Dietas 2012 - Chia

Continuando a Retrospectiva do Yahoo de 2012

Reprodução na íntegra da Retrospectiva Yahoo da parte de dietas de 2012! Caso prefira ver diretamente do site de onde foi retirado, segue o link:'Site Original da Matéria". Quero deixar claro que meu objetivo não é nem nunca foi o de plagiar nem site/blog, apenas estou repassando informações coerentes aos assuntos que já estávamos tratando e que vem apenas para somar ao conteúdo já publicado!:
"

Dieta da Chia


A Chia é um grão que, assim como a linhaça e a quinoa, caiu no gosto dos brasileiros. Entre suas propriedades, ela diminui a fome, combate a anemia, fortalece os músculos, regula o intestino e retarda o envelhecimento. Ela pode ser consumida em óleo, grão ou farinha, e pode substituir alguma fonte de carboidrato integral na dieta. (Foto: iStock)


Depois da linhaça, da quinoa e de tantos outros grãos agora é a Chia que cai no gosto dos brasileiros. Originária do México, ela foi muito consumida por civilizações antigas graças às propriedades nutritivas que apresenta - que não são poucas.

Em doses apropriadas ajuda o corpo a entrar em forma. "Para ser uma aliada do emagrecimento, deve substituir alguma fonte de carboidrato integral e não complementar a dieta", orienta a nutricionista Camila Cohen.

Os especialistas ouvidos pela reportagem garantem que consumir uma colher de sopa (15 g/ 70 calorias), por dia, é o suficiente para desfrutar de todos os benefícios. Se essa é a sua prioridade, eles ainda recomendam ingeri-la 30 minutos antes de duas das principais refeições diárias (café da manhã, almoço ou jantar).

Mais do que amiga da boa forma, a Chia pode fazer muito pela sua saúde. Veja alguns motivos para incluí-la na alimentação:

Protege o coração e o cérebro
A quantidade de Ômega-3 é destaque: 100g apresenta quatro vezes as necessidades nutricionais diárias. A cardiologista Tamara Rodrigues explica a propriedade cardioprotetora do nutriente: "ele reduz a formação de coágulos sanguíneos e arritmias, diminui o colesterol circulante no sangue e também aumenta a sensibilidade à insulina. Outra vantagem é que ajuda na regulação da pressão dos vasos sanguíneos uma vez que aumenta a fluidez do sangue, evitando assim, o aumento da pressão arterial. Isso significa que diminui o risco de ataques cardíacos, pois previne que as placas de gordura acumulem-se nas artérias". Para o cérebro os benefícios são igualmente significativos: o órgão é constituído por 20% de gordura. Dessa maneira, o consumo de Ômega- 3 é vital para deixá-lo ativo, prevenindo doenças como a esclerose, Alzheimer entre outras.

Diminui a fome
A nutricionista explica que a Chia age em frentes distintas que auxiliam no emagrecimento. "A semente é mucilaginosa: ao entrar em contato com a água, forma um gel no estômago que torna a digestão mais lenta e proporciona saciedade". Além disso, possui baixo índice glicêmico, evitando picos de açúcar no sangue, que podem causar hipoglicemia ou hiperglicemia.

Combate a anemia
Uma porção de 100g contém cerca de 60% das nossas necessidades diárias de ferro - três vezes mais do que a mesma quantidade de espinafre.

Fortalece os músculos
Altamente proteica, ajuda na reconstrução da massa muscular de quem pratica atividade física. "O consumo também é recomendado aos vegetarianos, pois complementa o fornecimento deste nutriente na dieta", salienta a nutróloga Camila Favale que ainda destaca: "Rica em potássio, a Chia, junto com a banana, forma uma dupla eficiente na prevenção de câimbras".

Regula o intestino
Fonte de fibras solúveis e insolúveis, a semente ajuda a manter o bom funcionamento da flora intestinal e a desintoxicar o organismo, pois retêm parte da gordura presente nos alimentos.

Previne a osteoporose
Intolerantes à lactose precisam de uma fonte de cálcio segura - uma porção de 25g de Chia contempla 20% das nossas necessidades diárias para a saúde da massa óssea. "O manganes, outro componente fartamente encontrado na Chia, estimula o crescimento dos ossos e do tecido conjuntivo", explica Camila Favale.

Retarda o envelhecimento
Os radicais livres, produzidos diariamente a partir do oxigênio que respiramos, estão ligados aos processos degenerativos do organismo - como o envelhecimento celular. A semente de chia possui ácidos cafeico e clorogênico - ambos são antioxidantes capazes de bloquear essa ação.

Reforça o sistema nervoso
As vitaminas do Complexo B são fundamentais para o pleno funcionamento do nosso sistema nervoso. A Chia possui em sua composição a niacina, a tiamina e a riboflavina.

Como consumir
A Chia pode ser encontrada em três versões:

Óleo - Pode ser usado como temperos. Contudo, essa versão não conta com os benefícios das fibras. Os demais componentes, como o Ômega-3, permanecem inalterados.

Grão - Coloque em um vidro hermético, bem fechado, com pouco ar e armazene em um lugar fresco e longe da luz solar.

Farinha - Adicione no preparo de iogurtes, vitaminas e saladas, tortas. Duas colheres de sopa de chia atendem a maior parte das nossas necessidades diárias: 50% de ferro (7,3mg) e 27% de magnésio (70mg), por exemplo.

Média de preços
Farinha de Chia, Giroil, R$ 22,00
Farinha de Chia, Ser Leve, R$ 22,00
Farinha de Chia, Vitalin, R$ 19,00
Óleo de Chia em cápsulas, Tiaraju, R$ 68,00
Óleo de Chia Extravirgem, Giroil, R$ 35,00
Semente de Chia, Herbarium, R$ 36,00"

Feliz Natal 2012!

Beijo de Chia bonecas!

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Retrospectiva - Dietas 2012 - Suco Verde

FELIZ NATAL !
Eu estava vendo a Retrospectiva do Yahoo deste ano de 2012 e dentre os acontecimentos, estavam as dietas de 2012, achei super válido, porque estou no meio de uma reeducação alimentar, e quanto mais opções melhor né meninas! Podemos assim, ir experimentando e ir montando um cardápio saudável, mais do nosso gosto!

Reprodução na íntegra da Retrospectiva Yahoo da parte de dietas de 2012! Caso prefira ver diretamente do site de onde foi retirado, segue o link:'Site Original da Matéria". Quero deixar claro que meu objetivo não é nem nunca foi o de plagiar nem site/blog, apenas estou repassando informações coerentes aos assuntos que já estávamos tratando e que vem apenas para somar ao conteúdo já publicado!:
"

Dieta Desintoxicante

Se você deseja eliminar a prisão de ventre, melhorar a digestão, combater o envelhecimento precoce e de quebra perder peso, o suco verde é ótimo para o seu caso. Esses sucos são ricos em vitaminas, nutrientes e minerais. O Yahoo! coletou cinco receitas diferentes para fazer o famosos suco verde. (Foto: iStock)

Cinco receitas de suco verde:


Se você deseja eliminar a prisão de ventre, melhorar a digestão, combater o envelhecimento precoce e de quebra perder peso, o suco verde é ótimo para o seu caso. Esses sucos são ricos em vitaminas, nutrientes e minerais: aminoácidos, oligoelementos, fitoquímicos e principalmente enzimas. Alguns deles possuem ação antioxidante que melhora a qualidade sanguínea e ajustam o metabolismo, proporcionando uma sensação de bem-estar.


Antes de começar a sugerir as receitas, a nutróloga Liliane Oppermann dá uma dica de fruta que combate o mau humor. “O abacate é uma fruta que age no sistema nervoso central fazendo a manutenção dos hormônios. É rica em vitamina B3 e beta-sistosterol que bloqueia as taxas de cortisol, hormônios do estresse, além de melhorar o humor”, diz ela. 


A alface é outro alimento benéfico que combate a irritação e um ótimo calmante, produzido pela substância lactucina. Veja 5 receitas de sucos verdes: 


SUCO A BASE DE COUVE

Rico em vitaminas, o suco de couve ajuda a combater as seguintes doenças: depressão, úlceras e até elimina as substâncias cancerígenas. Auxilia no bom funcionamento do intestino. Além disso, a couve é anti-inflamatória e cicatrizante.

Receita

Calorias: 40 calorias por copo
2 folhas de couve lisa
2 folhas de couve-de-bruxelas
1 rama de couve-flor
1 rama de brócolis
4 cenouras
1 maçã pequena (pode ser feito com outras frutas)
1 copo de suco de laranja
Bata no liquidificador e adoce com mel.

SUCO DE ESPINAFRE COM GENGIBRE

Aumenta o metabolismo facilitando na perda de peso.

Receita

Calorias: 25 cal por copo
2 xícaras (chá) de espinafre
2 copos de pepinos cortados
1 cabeça de aipo
1 colher (chá) de gengibre
1 porção de salsa
2 maçãs cortadas
Suco de limão
Bata no liquidificador e adoce com mel
SUCO DE SALSINHA, CENOURA E FRUTAS

Possui efeito diurético e desintoxicante. O ideal é consumi-lo no período da manhã: dá energia e limpa o organismo.

Calorias: 60 cal por copo
2 fatias grossas de melancia
1 maço pequeno de salsinha
2 maçãs
2 talos de salsão com as folhas
3 talos de erva-doce (ou funcho)
1 cenoura
2 laranjas
2 folhas de couve
1 pepino inteiro
1 pêra
1 punhado de brotos de alfafa
Bata no liquidificador e adoce com mel 

SUCO REGULADOR

Ideal para mulheres grávidas ou que já estejam amamentando. Ajuda na produção de leite.
Receita
Calorias: 45 cal por copo

1 cenoura
1 maçã descascada
2 talos de salsão
ramos de hortelã
suco de 1 limão
½ copo de água mineral.
Bata no liquidificador e adoce com mel 

SUCO REJUVENESCEDOR

É antioxidante. Promove o rejuvenescimento, garantindo uma pele mais saudável.
Receita
Calorias: 50 cal por copo

½ xícara de manga cortada em cubos (pode ser mamão ou caqui também)
1 cenoura cortada em rodelas
½ maço de hortelã
suco de 1 limão médio
Bata no liquidificador e adoce com mel
Todos os sucos são batidos no liquidificador. Também podem ser coados ou consumidos naturalmente com os gomos, peles e sementes.

Com informações da assessoria de imprensa da nutróloga Liliane Oppermann."
No próximo post continuaremos a Retrospectiva do Site Yahoo, porque é enorme e não caberia tudo em um único post ok!

Beijo verde boneca!

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Como preparar seu prato na Ceia de Natal!?

Ceia de Natal...hum...complicado manter dieta com tantas tentações né, se você mesma vai fazer a ceia, pode fazer um prato mais leve e light para você, se vai passar a ceia na casa de parentes ou amigos, a minha nutricionista Dra. Dagmárcia, me mandou algumas orientações para que eu não perca o rumo dos 3 meses em que estou de dieta! Vou compartilhar com vocês o email que ela me enviou com dicas valiosas!


Para as festas

Carnes
Na hora de escolher o tipo de carne da sua ceia, é importante considerar os molhos e os demais ingredientes da receita. Evite consumir carnes que são acompanhadas de molhos gordurosos, oleaginosas e frutas secas, pois estes aumentam consideravelmente o valor calórico da preparação. Além disso, não consuma a gordura aparente e a pele das aves, pois além de serem ricas em colesterol, são muito calóricas.
Carnes
Medida e peso
Energia (Kcal)
Cabrito - perna assada
3 fatias finas
186
Carne de boi magra assada
2 fatias médias
288
Carneiro (carne gorda)
3 fatias finas
317
Carneiro (carne magra)
3 fatias finas
206
Chester 
3 fatias finas
162
Coelho cozido
2 pedaços
197
Frango assado inteiro
2 pedaços
195
Lagarto
2 fatias médias
112
Leitão
1 pedaço
380
Lombo assado
1 fatia grande
240
Pato assado
2 pedaços
201
Pernil porco assado
2 fatias médias
298
Peru assado
3 fatias finas
170
Tender Ball 
4 fatias finas
137
Vitela magra assada
1 pedaço
230

 Sobremesas
Não exagere nas sobremesas que contêm ingredientes muito gordurosos, como: chocolate, amendoim e creme de leite. Também fique de olho nas frituras: a rabanada pode ser substituída por uma sobremesa à base de frutas ou pela própria fruta.
Doces
Medida e peso
Energia (Kcal)
Bolo Mousse Diet
1 pedaço - 80 g
123
Chocotone 
1 fatia - 80 g
320
Dueto de Mamão e Melão com Creme de Framboesa
1 porção - 165 g
69
Mousse de Maracujá
1 pote - 70 g
80
Panetone (frutas cristalizadas)
1 fatia - 80 g
280
Pavê tradicional de amendoim
1 pedaço - 50 g
162
Pêssego em caldas
1 metade - 60 g
38
Rabanada
1 unidade grande - 100 g
300
Salada de Frutas
1 pote - 125 g
78

ü  Dentre as bebidas alcoólicas mais consumidas nas ceias, o champagne é o mais recomendado, pois é a de menor valor calórico. Por outro lado, evite consumir o licor: um cálice pequeno fornece mais calorias que uma taça de champagne ou de vinho branco seco. Quando se trata de bebidas, o segredo é a moderação. Limite-se, portanto, ao momento do brinde.
Bebidas
Medida e peso
Energia (Kcal)
Cerveja
1 copo de chopp - 300 ml
123
Champagne
1 taça - 120 ml
85
Guaraná - refrigerante
1 copo - 200 ml
62
Guaraná Diet - refrigerante
1 copo - 200 ml
1
Licor
1 cálice - 30 ml
103
Suco de abacaxi
1 copo - 200 ml
110
Suco de laranja
1 copo - 200 ml
89
Suco de melão
1 copo - 200 ml
84
Vinho branco seco
1 taça - 150 ml
99
Vinho tinto
1 taça - 150 ml
108


 Atenção aos sanduíches
Veja a tabela abaixo quais recheios são mais e menos calóricos.
Milho verde: 15 cal. (1 col. de sopa cheia)
Pastas (milho, erva-doce, grão-de-bico): 40 cal. (1 col. de sopa)
Queijo tipo cottage: 40 cal. (2 col. de sopa cheias)
Queijo prato: 50 cal. (1 fatia fina)
Queijo mussarela: 52 cal. (1 fatia fina)
Frango desfiado com maionese light: 60 cal. (2 col. de sopa cheias)
Pasta de atum light com maionese light: 60 cal. (3 col. de sopa)
Presunto, blanquet ou peito de peru: 60 cal. (4 fatias)
Pastas de queijo e tomate seco: 60 cal. (1 col. de sopa cheia)
Presunto: 60 cal. (2 fatias finas)
Requeijão: 60 cal. (1 col. de sopa)
Salsicha: 90 cal. (1 unidade)
Pão: uma unidade de francês, sírio, hot-dog, hambúrguer, ou duas fatias de pão de fôrma integral têm o mesmo valor calórico: 140.

Beijo lights bonecas
Web Analytics